Connect with us

Blog Do Mago – Por Junior Campos

Internet ganha espaço e provoca fechamento de jornais impressos

POLÍTICA | COTIDIANO

Internet ganha espaço e provoca fechamento de jornais impressos

Com o fim da edição impressa do Jornal “O Norte”, o mais antigo da Paraíba com mais de 100 anos, o estado segue a tendência de outros estados brasileiros de reduzirem o número de jornais impressos e publicações diárias.  Segundo dados do IVC (Instituto de verificação de comunicação) desde 2008, mais de 166 jornais impressos fecharam as portas, motivados pela queda contínua das vendas.

Ainda segundo pesquisa do IVC, é na internet que está a maior parte da atenção dos consumidores de notícias, seguida pela TV e rádio, respectivamente. Este cenário acompanha as novas ferramentas tecnológicas, forçando os grandes veículos de comunicação a apostarem em novos formatos e se adaptarem. Com mais de 200 anos de história, a imprensa nacional reformulou seus veículos ao gosto dos consumidores. Agora, “O Norte” segue apenas com sua versão digital.

Desde os primeiro periódicos lançados em 1808 no Rio de Janeiro, a imprensa brasileira ganhou força e espaço no cotidiano do povo, a chegada do Rádio e da TV no século passado fortaleceu o desenvolvimento da comunicação de massa e impulsionou o desenvolvimento do país, agora, cada dia mais tecnológico, a sinergia entre as publicações digitais permite uma transição no jeito em que o brasileiro  consome informação.

A notícia, seja transmitida através das redes sociais por qualquer pessoa, ou por jornalistas profissionais nas plataformas de informação, interagem rapidamente, daí a baixa procura aos impressos.

A imprensa brasileira que acompanha a história do desenvolvimento político e econômico do país desde antes de sua  independência, se reconstrói a partir da iminente constatação de que a circulação de jornais impressos estão com os dias contados.

Pery Camilo

Seu Comentário
Continue Lendo

Veja Mais Sobre POLÍTICA | COTIDIANO



Whatsapp

 

To Top